Anúncios

Chuva provocou deslizamentos de terra no Guarujá | PREFEITURA MUNICIPAL

A chuva somente desta semana soma entre 300 mm e 500 mm no litoral de São Paulo, especialmente na Baixada Santista e no Litoral Norte. Trata-se do mês de janeiro mais chuvoso na região desde 2010, o que causou inundações, deslizamentos de terra e quedas de barreiras.

Os volumes de chuva em 24 horas na rede do Centro Nacional de Monitoramento de Desastres (Cemaden) até às 9h desta sexta-feira foram de 133 mm em Santos, 128 mm no Guarujá e Bertioga, 122 mm em Ubatuba, 96 mm em São Vicente, 78 mm em Praia Grande, 63 mm em Cubatão, 55 mm em Ilhabela, 37 mm em Mongaguá, e 32 mm em Caraguatatuba,


Os acumulados, também até 9h, em 72 horas, foram de 415 mm em Ubatuba, 413 mm em Bertioga, 388 mm no Guarujá, 320 mm em Santos, 294 mm em São Vicente, 285 mm em Praia Grande, 264 mm em Caraguatatuba, 196 mm em Cubatão, 183 mm em Ilhabela e 152 mm em Mongaguá.

Já os volumes em 96 horas, entre 9h da última segunda e 9h de hoje, alcançaram 463 mm em Ubatuba, 413 mm em Bertioga, 409 mm em Guarujá, 348 mm em Santos, 321 mm em Praia Grande e São Vicente, 301 mm em Caraguatatuba, 273 mm em Cubatão, 207 mm em Mongaguá e 196 mm em Ilhabela.


A previsão da MetSul Meteorologia indica que a chuva tende a diminuir a partir desta sexta-feira, mas o tempo não firma na região nem hoje e tampouco durante o fim de semana. Embora momentos de melhoria, ainda devem ocorrer períodos de chuva que, apenas isoladamente, pode ser forte.

A MetSul Meteorologia está nos canais do WhatsApp. Inscreva-se aqui para ter acesso ao canal no aplicativo de mensagens e receber as previsões, alertas e informações sobre o que de mais importante ocorre no tempo e clima do Brasil e no mundo, com dados e informações exclusivos do nosso time de meteorologistas.

Anúncios