Anúncios

SENASA

A Argentina agora tem quatro focos de gafanhotos. A mais recente foi observada no Norte do país e distante do Brasil no limite do departamento de San Martin e Rivadavia, na província de Salta. As nuvens 2, 3 e 4 estão todas no Norte argentino em Santiago del Estero, no Chaco e em Salta. 

Já a nuvem 1 que trazia grande preocupação para produtores brasileiros e uruguaios, que entrou por Formosa em maio vinda do Paraguai, foi quase  exterminada no último fim de semana em Federación, município da província argentina de Entre Rios na divisa da Argentina com o Uruguai e localizado a apenas 90 quilômetros de Barra do Quaraí (RS). Segundo a SENASA, órgão fitossanitário do governo argentino, cerca de 80% a 85% dos gafanhotos em Entre Rios foram eliminados com o uso de inseticidas. 

Anúncios