O vento Norte quente e seco sopra forte em diversas regiões gaúchas desde a madrugada, como alertava a MetSul Meteorologia, e deve se intensificar na manhã deste domingo com risco de transtornos e danos. 

Uma forte corrente de jato em baixos níveis da atmosfera, um corredor de vento a cerca de 1500 metros de altitude, que se origina na Bolívia e desce até o Sul do Brasil, vai se intensificar no Rio Grande do Sul neste domingo. 


O resultado é trazer ar quente e vento do quadrante Norte com rajadas fortes na maioria das regiões e intensas em algumas localidades. 

O pico da força vento deve ser na manhã deste domingo. As rajadas em alguns pontos devem ficar entre 70 km/h e 90 km/h, ocasionalmente superiores, suficientemente fortes pra provocar transtornos como cortes de luz e danos como quedas de postes e árvores, além de destelhamentos. 

Santa Maria é uma cidade que costuma ser muito impactada na presença deste tipo de fenômeno e terá rajadas fortes a intensas com prováveis cortes de luz e queda de árvores e/ou postes. A cidade já está com rajadas acima de 70 km/h na base aérea.


Os vales igualmente costumam sentir mais os impactos de correntes de jato em baixos níveis. Na última semana, idêntico fenômeno causou danos em Santa Maria e nos vales.

O ar quente trazido pela corrente de jato de baixos níveis manterá  a temperatura elevada. Diversas cidades amanheceram com mínimas muito altas e as próximas horas serão de calor, acima de 30°C em algumas regiões.