Anúncios

Andre Batista/Arquivo

Correntes de vento de Norte, como previsto, trouxeram ar muito quente ontem para o Rio Grande do Sul e a temperatura disparou no Estado. A maioria das cidades registrou máximas acima de 30ºC com marcas de 35ºC a 37ºC nas regiões mais quentes como os vales, a Grande Porto Alegre, o Oeste e o Noroeste. Em Porto Alegre, a temperatura bateu em 35ºC em alguns bairros. 

Hoje, ar ainda mais quente cobre o Estado e o dia dos gaúchos será escaldante. São esperadas máximas tão altas como as dos dias mais quentes de janeiro e fevereiro com marcas ao redor dos 40ºC nas localidades mais quentes. A maioria dos bairros da Capital deve ter entre 37ºC e 39ºC no meio da tarde desta terça. E a próxima noite e a madrugada desta quarta serão muito quentes com temperatura ao redor dos 30ºC por efeito do vento do quadrante Norte. 


Ao mesmo tempo, áreas de instabilidade na dianteira de frente fria vão alcançar o Sul gaúcho com chuva hoje e ao interagirem com a atmosfera extremamente aquecida é alto o risco de tempestades, isoladamente fortes a severas, com alto potencial de granizo de variado tamanho, assim como ocorreu em Santa Vitória do Palmar no mês passado. 

Amanhã, a instabilidade associada a frente traz chuva desde cedo para o Oeste e o Sul e até o fim do dia alcança quase todo o Estado, incluindo Porto Alegre. Como a atmosfera vai estar muito quente, a quarta-feira é um dia de risco de tempestades com raios, granizo e vendavais no Rio Grande do Sul. A principal preocupação é granizo que pode ser de médio a grande tamanho em alguns pontos. Porto Alegre pode ter temporal com chuva forte e raios da tarde para a noite, não se afastando granizo localizado na região. A tendência é de instabilidade no jogo entre Grêmio e Flamengo.


O tempo segue muito instável na quinta e na sexta em diversas regiões gaúchas com novas ocorrências de chuva localmente forte e de granizo. 

 

Anúncios