Anúncios

A cidade de Buenos Aires foi atingida na madrugada deste domingo por um dos piores temporais de sua história com vento destrutivo e numerosos danos pelo vento de até 130 km/h. O vendaval causou muitos estragos também em localidades da Grande Buenos Aires com quedas de árvores, destelhamentos, desabamentos e falta de luz. Há mais de dois milhões de pesssoas sem energia.

A capital argentina e sua área metropolitana foram alcançados pelo mesmo sistema de tempestades que horas antes provocou devastação na cidade de Bahia Blanca, no Sul da província de Buenos Aires, com 13 mortes. As tempestades assolaram com estragos ainda outras cidades do interior da província de Buenos Aires antes de alcançar a zona da capital.


Há centenas de árvores caídas no começo da manhã deste domingo na cidade de Buenos Aires, diversas ruas e avenidas bloqueada por árvores, placas caídas e outros danos, como telhados que voaram com a força do vento.

O Aeroparque Jorge Newbery está fechado devido a danos causados ​pelo temporal de chuva e vento. O aeroporto da capital argentina, situado às margens do Rio da Prata, sofreu pesados danos com a violenta tempestade na cidade de Buenos Aires.


Grande parte do serviço de trens de Buenos Aires está interrompido. Várias das linhas que atravessam a capital argentina tiveram que suspender os serviços por conta dos danos registrados pelo temporal. Há muitas árvores caídas e problemas de energia em praticamente todos os bairros.

No Hipódromo de Palermo, local onde acontecia a famosa festa argentina Bresh, a tempestade devastou tudo a sua frente e o palco desabou, causando pânico no público. Não houve vítimas. Frequentadores culpam os organizadores do Bresh por não terem suspendido a festa, já que o Serviço Meteorológico Nacional tinha emitido vários alertas de tempestade.

O temporal na cidade de Buenos Aires desta madrugada é considerado um dos mais intensos a ter atingido a capital argentina até hoje, observam meteorologistas locais. O meteorologista Christian Caravaglia, do Serviço Nacional de Meteorologia, afirma que a tempestade de hoje se junta aos temporais de julho de 2006 e abril de 2012 como os piores da história recente na capital argentina.

Por que o temporal tão violento? A MetSul Meteorologia havia advertido que o avanço de massa de ar muito fria de Sul, que encontraria uma massa de ar excepcionalmente quente, provocaria tempestades violentas com granizo gigante e até tornados entre a tarde e noite deste sábado e o começo deste domingo no Centro da Argentina e no Uruguai.

A instabilidade deve alcançar parte do Rio Grande do Sul da tarde para a noite deste domingo, especialmente cidades do Oeste e do Sul, e uma vez que a temperatura vai estar altíssima com marcas perto e acima de 40ºC há risco de temporais fortes a intensos com danos. Outras áreas de instabilidade com tempo severo podem se formar no estado em consequência do calor excessivo.

A MetSul Meteorologia está nos canais do WhatsApp. Inscreva-se aqui para ter acesso ao canal no aplicativo de mensagens e receber as previsões, alertas e informações sobre o que de mais importante ocorre no tempo e clima do Brasil e no mundo, com dados e informações exclusivos do nosso time de meteorologistas.

Anúncios