Anúncios

O Rio Grande do Sul vai sair de temperatura ao redor de 0ºC ou negativa para marcas ao redor dos 40ºC em apenas dois dias, antecipa a previsão do tempo da MetSul. Uma massa de ar frio ingressou nas últimas horas no território gaúcho, impulsionada por um ciclone extratropical a Leste da Argentina, e trará uma madrugada fria nesta terça-feira. Há possibilidade de geada em pontos do Sul, da Campanha, da fronteira com o Uruguai, Serra e Aparados, sobretudo em baixadas. A mínima do estado deve ficar perto de 0ºC em São José dos Ausentes, se não cair mais em alguns pontos da localidade com a atmosfera muito seca e o tempo aberto com conseqüente variação maior de temperatura entre microclimas.


Ocorre que já nesta terça-feira começa a ingressar ar muito quente a partir do Norte e do Oeste que vai elevar a temperatura para marcas ao redor dos 30ºC no Planalto Médio e no Alto Uruguai e de até 32ºC na região de Santa Rosa, no Noroeste. O avanço do ar quente de origem tropical será ainda mais acentuado na quarta-feira, o que vai formar uma frente quente sobre o Rio Grande do Sul à medida que a massa de ar superaquecida avança sobre a fria. Por isso, na quarta há risco de chuva localmente forte com muitos raios, granizo de variado tamanho e ainda possibilidade de vento forte localizado no Rio Grande do Sul. O risco será maior no Centro, no Sul e no Leste do Estado, o que inclui Porto Alegre e região.


Na quinta, a frente quente estará sobre o Sul gaúcho com chuva e granizo enquanto na Metade Norte vai fazer muito calor. A temperatura pode atingir máximas de 35ºC a 36ºC na região de Carazinho e Passo Fundo, de 37ºC a 38ºC em Cruz Alta e Ijui e de até 39ºC a 40ºC em Santa Rosa. Cidades do Sul e do Leste do Estado, em razão de instabilidade atmosférica não terão o intenso calor das Metades Oeste e Norte.

Anúncios