Anúncios

Chuva nos últimos 10 dias de setembro pode melhorar a situação no Pantanal (Bombeiros do Mato Grosso/Divulgação)

A notícia não poderia ser melhor. Depois de um longuíssimo períodos de tempo seco e temperatura em muitos dias perto ou acima dos 40ºC, a chuva deve começar a retornar gradualmente para a região do Pantanal. O bioma enfrenta devastadores incêndios que já atingiram mais de 15% da área com mortes e lesões em muitos animais, além de um prejuízo incalculável para o meio-ambiente.

5 dias

10 dias

15 dias

Os mapas acima mostram a projeção de chuva acumulada para o Centro-Oeste do Brasil a partir do modelo norte-americano para os próximos cinco, dez e quinze dias. Como se observa, os volumes de chuva não devem ser elevados e as precipitações na região vão ser irregulares, mas apenas o fato de que voltará a chover na região já é motivo para se comemorar. Afinal, a ocorrência de chuva reduz muito o risco de fogo assim como uma maior presença de umidade na atmosfera desfavorece incêndios.

O meteograma acima é a projeção de chuva do modelo norte-americano para a cidade de Poconé, no Mato Grosso, um dos locais em que mais registra queimadas durante as últimas semanas. Observa-se o indicativo de chance de chuva no começo da semana que vem e outro período favorável à precipitação no final do mês. Com o calor e uma maior presença de umidade, não descartamos que possa chover antes mesmo de o indicado por modelos numéricos. A instabilidade já afeta durante o fim de semana o Mato Grosso do Sul com o deslocamento de uma frente fria impulsionada por uma massa de ar frio que vai avançar pelo Sul do Brasil.

Anúncios