Anúncios

As saídas de hoje tanto do modelo americano GFS como do Europeu indicam mudança na tendência de chuva para o restante da primeira quinzena de agosto. Antes, os modelos sinalizavam que choveria muito pouco até o dia 15, mas nas saídas de hoje os dois principais modelos usados mundialmente passaram a indicar um aumento da instabilidade com volumes mais expressivos até o término da primeira metade do mês.


Você vê no mapa (disponível a qualquer hora ao assinante da MetSul) a perspectiva de chuva até o dia 14 pelo modelo americano GFS em sua saída das 12Z de hoje. Interessante observar o indicativo de aumento da chuva também em São Paulo e no Mato Grosso do Sul, onde agosto é costumeiramente um mês seco.


Anúncios