Anúncios

Rosinara Ferreira

Choveu em quase todas as regiões gaúchas no fim de semana, mas, como se antecipava, as precipitações tiveram uma enorme disparidade em volumes de um ponto para outro.

Em muitos municípios, especialmente mais a Oeste, sequer choveu ou choveu pouco. A região que teve mais chuva foi a Grande Porto Alegre por conta do temporal no fim da tarde do sábado (foto). Canoas, Porto Alegre, Gravataí e Cachoeirinha tiveram pontos com alagamentos.


Em Canoas, a chuva no bairro Mathias Velho chegou a 60 mm, quase todo este volume que equivale à metade da média mensal em apenas uma hora. Na Capital, a precipitação somou quase 50 mm em uma hora em pontos da área central da cidade.

A partir da irregularidade da chuva observada no fim de semana é possível dizer que a estiagem segue no Rio Grande do Sul. Como o tempo seco vai predominar nesta semana e com o retorno do calor, a situação tende a se agravar nas cidades que tiveram pouca chuva com estresse pra lavouras de soja e baixa ainda maior dos níveis dos rios.


A precipitação na maior parte desta semana será muito localizada e irregular ainda em volumes, logo não afetando a maioria dos municípios até sexta. Estas pancadas típicas de verão, isoladas e passageiras, tendem a se concentrar principalmente no Leste e no Norte do Rio Grande do Sul.  

Anúncios