Anúncios

Depois de muita chuva, alagamentos, raios e granizo, o sol voltou a brilhar hoje em grande parte do Rio Grande do Sul.

A melhora do tempo foi garantida pelo avanço de ar quente trazido por correntes de vento em baixos níveis da atmosfera (a cerca de 1500 m de altitude). Com isso, a instabilidade recuou para o Sul, em direção ao Uruguai. Por isso não se pode falar em calor pré-frontal (que antecede frente fria). O aquecimento se deu na sequência da passagem de uma frente quente, logo é sim pós-frontal. Na sexta, o Rio Grande do Sul terá calor pré-frontal, uma vez que a subida da temperatura associada a uma corrente de jato em baixos níveis sobre o Estado precederá a passagem de uma frente fria.


Grande parte do território gaúcho teve hoje máximas acima dos 25ºC e em algumas regiões a temperatura superou os 30ºC. Casos de Teutônia, que anotou 31,1ºC, e de Santa Rosa que foi a 31,2ºC. Na Grande Porto Alegre, as máximas ficaram entre 27ºC e 29ºC.


Nesta quinta-feira e ainda na sexta a temperatura seguirá em valores muito acima do que é normal para essa época do ano com máximas 8ºC a 10ºC superiores às médias máximas de julho. Da tarde para a noite de sexta começa a ingressar ar polar a partir do Oeste e do Sul gaúcho e que vai cobrir o Rio Grande do Sul no sábado.

Assine gratuitamente nossa newsletter para notícias e alertas

 

Anúncios