Anúncios

Um centro de baixa pressão trazia forte instabilidade durante a tarde e a noite de ontem em províncias do Centro da Argentina (foto).


Em alguns locais, as tempestades ontem eram intensas, como na província de Córdoba. Hoje, o centro de baixa pressão avança para Nordeste, rumo ao Rio Grande do Sul. Por isso, o tempo se instabiliza no Uruguai e províncias fronteiriças ao Estado como Corrientes e Misiones.

No fim da tarde desta terça-feira e à noite, áreas de instabilidade vão se deslocar a partir do Oeste e do Sul do território gaúcho, alcançando várias regiões até o final do dia e o começo da quarta. Na área de Porto Alegre, a chuva deve chegar ao redor da virada do dia ou no começo da quarta-feira.

A MetSul Meteorologia alerta que podem ocorrer tempestades igualmente aqui no Estado, especialmente no Oeste e no Noroeste que devem ter as nuvens mais carregadas no fim do dia e nas primeiras horas de amanhã. Dados do modelo WRF da MetSul apontam valores de refletividade altos para o Noroeste gaúcho, sugerindo alto risco de granizo isolado e de chuva localmente torrencial com elevados acumulados de precipitação em curto intervalo.


A instabilidade mais forte do Noroeste gaúcho afetará ainda o Oeste de Santa Catarina e o Sudoeste do Paraná entre a madrugada e a manhã da quarta, persistindo até quinta.

Assine gratuitamente nossa newsletter para notícias e alertas

 

Anúncios