Anúncios

Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O Rio Grande do Sul teve nesta quinta-feira o segundo dia seguido com máximas de mais de 37ºC. As marcas foram de 37,2ºC em Teutônia, 36,9ºC em Porto Alegre, 36,5ºC em Santa Rosa, 36,3ºC em Santa Cruz do Sul, 35,6ºC em Campo Bom e 35,4ºC em São Gabriel. A maioria dos municípios do Estado teve máximas de 30ºC a 35ºC. Na quarta, a máxima chegou a 37,3ºC no Estado.


O calor é generalizado no Brasil. Hoje, o Paraná teve 37,4ºC em Marechal Cândido Rondon. Em São Paulo, 35,5ºC em Votuporanga e Valparaíso. Em Minas, 35,1ºC em Campina Verde. No Mato Grosso do Sul, máxima de 41,0ºC em Aquidauana. No Mato Grosso, 39,3ºC ontem em Rondonópolis. Em Goiás, a máxima da quinta foi de 36,8ºC em Aragarças. No Tocantins, 37,4ºC em Pedro Afonso. Rondônia foi a 36,8ºX em Cacoal. No Acre, 35,9ºC em Epitaciolândia. No Amazonas, 36,6ºC em Humaitá. No Pará, 35,7ºC. No Maranhão, 38,5ºC em Imperatriz. Já no Piauí, 38,7ºC em Esperantina. No Ceará fez 36,9ºC em Sobral. O Amapá anotou 35,1ºC e em Roraima fez 35,3ºC.


O calor intenso combinado com até quatro meses sem chuva em algumas áreas do Centro-Oeste fez com que o número de queimadas desse um salto no país, sobretudo no Cerrado (foto). Chuva generalizada na região só deve ser esperada durante outubro e neste fim de setembro as precipitações somente serão localizadas.

Anúncios