Sete em cada dez dos 497 municípios do Rio Grande do Sul enfrentam a estiagem que castiga todas as regiões do Estado. Uma, contudo, deve ser a primeira a sair da estiagem com importante recuperação em poucas semanas do déficit hídrico acumulado nos últimos seis meses. 

Trata-se do Noroeste gaúcho. A região teve volumes elevados de chuva no começo desta semana, da ordem de 100 mm a 150 mm em alguns municípios. Na primeira metade da próxima semana registrará outro evento de chuva que deve trazer volumes altos em diversas localidades. O mapa mostra a projeção de chuva no Sul do Brasil nos próximos sete dias, segundo o modelo alemão Icon disponível na seção de mapas.


Considerando o que choveu nesta semana, o que deve chover na próxima e a tendência de junho ter precipitação acima da média na região, os volumes devem ser suficientes para que a região deixe o quadro de estiagem.